Minha história com a corrida – Liss

27b8c334-7cb4-43fe-98be-3649112535f3

Há 6 anos atrás um amigo me convidou para correr, ele sabia que eu não estava bem, estava num quadro depressivo, ele foi muito insistente em querer que eu começasse a correr, comecei os trotes nas ruas próximas do trabalho, foi ai que ele me inscreveu numa prova noturna de 10km, ele me acompanhou todo o percurso e quando finalizei a prova, quis me inscrever em outra e não parei mais, a corrida me ajudou muito, não precisei mais de tomar remédios, hoje digo que meu remédio é a corrida! Sou grata por ele ter me apresentado a corrida e hoje digo que sou uma Amante da corrida!

Quando me falavam em fazer maratona eu sempre fui muito resistente e dizia que não faria, por que era muita distância, difícil e cansativo.

No ano passado meu namorado me convidou para fazer em Porto Alegre e que era só eu fazer a inscrição e treinar. Resolvi participar da tal da temida Maratona, comecei a treinar em fevereiro, entre os treinos fiz algumas provas de 10km e uma meia maratona, nessa meia tive uma lesão no pé em decorrência de usar o tênis inadequado e mal consegui treinar, fiz inúmeras sessões de fisioterapia, acupuntura, aplicação de Kinesio, gelo, gelo, gelo e testei vários tênis, meu treino mais longo que era para ser de 32km consegui concluir apenas 28km com muita dor, estava prestes a desistir de fazer os 42km e tentar apenas um 21km. Continuei treinando e fazendo as sessões de fisioterapia. Duas semanas antes da prova meu pé estabilizou e as dores diminuíram, mas já estava as vésperas da prova e não tinha mais tempo hábil para fazer muita coisa, foi aí que resolvi treinar a minha cabeça, pois sabia que POA é uma prova plana e com vários cotovelos, e que precisava estar focada. Meus últimos treinos foram no parque da cidade e treinei inúmera voltas curtas, parecia a louca do parque dando voltas tipo autorama! Queria muito fazer a prova, mas sinceramente achei que não conseguiria concluir por não feito os treinos de acordo com o que tinha que ser feito.

Chegou o dia da Maratona, um dia extremamente frio, a temperatura estava de 1 Grau, mas a sensação estava abaixo de zero, ai misturou tudo, frio, medo, ansiedade! A largada foi dada… comecei num ritmo tranquilo porque eu já tinha traçado como eu faria a prova, durante o percurso conheci uma colega de São Paulo que estava fazendo sua segunda maratona e eu ali estreando, meio perdida, mas fomos correndo e conversando por mais de 15km, quando chegamos no quilômetro 21 comecei a sentir dor no meu joelho, tinha levado um spray desses gelados e passei no local da dor, no km23 um colega da minha equipe me deu um advil e continuei, quando vi já havia corrido 7km com dor, foi ai então que percebi que precisava acelerar porque no trote a dor era maior. Chegando no km 34 ouvi umas quatro mulheres que corriam juntas falando: Vai dar sub 4 vai dar sub 4 vamos que a gente dá conta, ai eu pensei: Se elas conseguem eu também vou conseguir e continuei correndo, estava muito concentrada nas passadas tentando esquecer que tinha dores e pensando que eu precisava terminar aquela prova, pois algumas pessoas duvidaram que eu terminaria essa prova foi aí que então no quilômetro 40 eu avistei um colega que tinha me passado lá no 23, quando reconheci pelo chapeuzinho que ele usava, não acreditei e foquei em chegar nele, quando encostei, disse vamos que tá acabando (melhor frase de uma prova) ele disse vá que estou quebrado, eu continuei porque afinal faltavam apenas 2 Km, acelerei e quando vi o pórtico eu não sabia se chorava ou se sorria, quando desliguei meu GPS vi que havia concluído minha primeira Maratona Sub4, tive a sensação maravilhosa de dever cumprido por que eu tinha colocado aquela meta para mim e eu consegui superar, consegui mostrar para mim mesma de que eu era capaz! Mês passado fiz minha segunda Maratona, e a meta é realizar 1 por ano!!

Instagram: @liselisss

Minha história com a corrida

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s